Administração de Condomínios

A Sogeu Condomínios® desenvolveu uma oferta de planos de gestão patrimonial adaptada a vários tipos de edifícios em propriedade horizontal ou plena, orientada para a satisfação das reais necessidades dos seus clientes.Consulte a informação detalhada sobre os planos de gestão que aqui disponibilizamos e solicite-nos uma proposta.

Plano Base

A administração de condomínios é cada vez mais complexa e rigorosa, o nosso plano base é o plano mais comum na função de prestação de serviços.Nesse âmbito, a Sogeu Condomínios®, assume a função de administrador do condomínio, de acordo com o exigido por lei, que além das funções administrativas, técnicas e contabilísticas obrigatórias, irá igualmente fazer cumprir as restantes disposições legais em vigor, quer sobre a manutenção técnica periódica obrigatória (RGEU), quer sobre o cumprimento do Regulamento Geral de Segurança Contra Incêndios (RTSCIE), pelo que a Sogeu Condomínios Lda., promoverá para o efeito, os relatórios correspondentes.

Nesta modalidade, será necessária a colaboração de um delegado nomeado em representação dos condóminos, que apenas terá de intervir, para um único objetivo, o de auxiliar a empresa a prestar uma prestação de serviços de qualidade e eficiência, reportando preferencialmente por e-mail, todos os problemas e anomalias existentes.

Assim, além de permitir uma boa gestão dos recursos existentes, possibilitará assim, a Sogeu Condomínios®, em propor as ações de manutenção e conservação obrigatórias, que poderão ser apresentadas ao longo do período do ato administrativo, sendo que como complemento, poderá consultar mediante a nossa App – Sogeu Condomínios®, todo o histórico da manutenção corrente, do seu condomínio.

Por forma a garantir os valores propostos e por questões de qualidade e eficiência na prestação de serviços selecionada, terão de ser consideradas as disposições descritas nas Condições Particulares do Plano correspondente.

São funções do administrador, além de outras que lhe sejam atribuídas pela assembleia:
a) Convocar a assembleia dos condóminos. (art.1436C.C.)
b) Elaborar o orçamento das receitas e despesas relativas a cada ano. (art. 1436C.C.)
c) Verificar a existência do Seguro do Edifício Contra o Risco de Incêndio, propondo à assembleia o montante do capital seguro. (dec.Lei268/94;art.1429c.C.;Art.1436C.C.)
d) Cobrar as receitas e efetuar as despesas comuns. (art.1436C.C.)
e) Verificar a existência de fundo comum de reserva. (art.1436C.C./ art.268/94)
f) Exigir dos condóminos a sua quota-parte nas despesas aprovadas, incluindo os juros legais devidos e as sanções pecuniárias fixadas pelo regulamento do condomínio ou por deliberação da assembleia. (aviso de cobrança-dec. Lei 268/94; dec.Lei269/94; art.1436C.C.)
g) Realizar os actos conservatórios dos direitos relativos aos bens comuns. (art.1436C.C.)
h) Regular o uso das coisas comuns e a prestação dos serviços de interesse comum. (art.1436C.C.)
i) Executar as deliberações da assembleia que não tenham sido objeto de impugnação, no prazo máximo de 15 dias úteis, ou no prazo que por aquela for fixado, salvo nos casos de impossibilidade devidamente fundamentadas. (art.1436C.C.)
j) Representar o conjunto dos condóminos perante as autoridades administrativas. (art.1436C.C.)
l) Prestar Contas à Assembleia Anual de Condóminos. (art.1436C.C.)
m) Assegurar a execução do Regulamento e das Disposições Legais e Administrativas ao Condomínio. (art.1436C.C.)
n) Guardar e manter todos os documentos que digam respeito ao Condomínio. (art.1436C.C.)
o) Informar, por escrito ou por correio eletrónico, os condóminos sempre que o condomínio for citado ou notificado no âmbito de um processo judicial , processo arbitral, procedimento de injunção, procedimento contraordenacional ou procedimento administrativo. (art.1436C.C.)
p) Informar, pelo menos semestralmente e por escrito ou por correio eletrónico, os condóminos acerca dos desenvolvimentos de qualquer processo judicial, processo arbitral, procedimento de injunção, procedimento contraordenacional ou processo administrativo, salvo no que toca aos processos sujeitos a segredo de justiça ou a processos cuja informação deva, por outro motivo, ser mantida sob reserva. (art.1436c.C.)
q) emitir, no prazo máximo de 10 dias, declaração de dívida do condomínio, sempre que tal seja solicitado pelo mesmo, nomeadamente para efeitos de alienação da fração. (art.1436C.C.)
r) Intervir em todas as situações de urgência que o exijam, convocando de imediato assembleia extraordinária de condóminos para ratificação da sua situação. (art.1436C.C.)
Outras Disposições Legais:
Para feitos do cumprimento do Regulamento Geral Das Edificações Urbanas (RGEU) que determina que sejam feitas obras de conservação e beneficiação nos prédios, pelo menos de oito em oito anos, a Sogeu Condomínios®, promoverá um Relatório Técnico Geral ou Parcial, caso seja necessário, para propor respetivas medidas preventivas.
Verificar a validade das Inspecções Obrigatórias do gás, electricidade e elevadores (Vistoria à Instalação do Gás: para o cumprimento legal, presente no dec-lei nº 59/2018 de 21 agosto – inspecções de 5 / 5 anos em edifícios com mais de 10 anos).
Para efeitos do cumprimento do RTSCIE, portaria nº 1532/2008 de 29 Dezembro, nos artigos 193º a 2017º (Condições Gerais de Autoprotecção), em conformidade com Regime Jurídico de SCIE do Dec-lei nº 220/2008 de 12 Novembro e dec-lei nº 224/2015 de 9 Outubro, a Sogeu Condomínios®, promoverá um Relatório de Segurança Contra Incêndios.
Gestão do arquivo e base de dados de acordo com o RGPD.
RGPD - consentimento escrito por condómino, a ceder pelo condomínio, Sogeu Condomínios®, para efeitos da prestação de serviços de administração, em questão.

  • Envio e recebimento dos documentos, para a morada de correio electrónico dos condóminos, excepto convocatórias por carta registada.
  • Disponibilidade da parte de um Gestor de Cliente, para atender a qualquer questão ou dúvida do delegado nomeado.
  • Abertura de uma conta em nome do Condomínio.
  • Elaboração de uma Ficha de Caracterização do Condomínio.
  • Visita periódica ao prédio, para efeitos de Manutenção Corrente.
    • Substituição de lâmpadas.
    • Vistoria dos equipamentos, reportar validades e anomalias.
  • Movimentação da conta do condomínio através de Homebanking, aprovado pelo condomínio.
  • Autonomia para a Administração poder liquidar as despesas mensais, mediante a movimentação de uma verba, aprovada pelo condomínio.
  • Recebimento da quota trimestral, identificada e a ser creditada pelo condómino, na conta em nome do condomínio.
  • Disponibilidade para a justificação das contas do condomínio, mediante marcação prévia, numa das lojas afectas ao condomínio.
  • Serviço de Assistência e Apoio Permanente 24H, para ocorrências urgentes.
  • As ocorrências diárias são apoiadas por uma APP – Gecond O Meu Condomínio, disponível, para o registo automático das ocorrências, acesso ao histórico das ocorrências, aos recibos e a documentos essenciais, compatível com o sistema operativo Apple e Android.

*Incluídas no valor da Avença. Excepto os custos de Gestão de Serviço de Expediente e os custos de Deslocação, quer ao condomínio, quer às várias entidades.

PEÇA JÁ A SUA PROPOSTA!

Plano Premium

Trata-se de um Plano Mais Completo, uma vez que além da Sogeu Sogeu Condomínios®, assumir a função de administrador, exigido por lei, o delegado nomeado em representação dos condóminos, apenas terá de dispensar o mínimo de tempo possível, uma vez que é proporcionado por parte da empresa, um acompanhamento mais exaustivo, em resultado das visitas efetuadas por mês ao prédio, pelo acompanhamento personalizado, por parte do nosso Departamento de Supervisão e poderá consultar mediante a nossa App – Sogeu Condomínios®, todo o histórico da manutenção corrente, do seu condomínio.

Ainda, o condomínio beneficia, de uma redução de custos relativos à Gestão de Serviço de Expediente, sobre o processo de Alteração de Conta Bancária e sobre o Dossier de Abertura, que estarão incluídos no valor da avença mensal, além da disponibilização de um contacto de emergência 24 horas/dia.

Os aspetos legais e processuais inerentes à administração de condomínios, serão assegurados pela empresa, que executará de acordo com a legislação em vigor, as deliberações da assembleia. Nesta modalidade e caso seja necessário, encontra-se incluído na avença, um primeiro Relatório Técnico Parcial e/ou Geral, onde identificará as patologias e inconformidades existentes, assegurará de forma célere, intervenções atempadas, estabelecendo prioridades, reduzindo o erro de diagnóstico, otimizando os recursos financeiros existentes e respetivo valorização do imóvel.

Por forma a garantir os valores propostos e por questões de qualidade e eficiência na prestação de serviços selecionada, terão de ser consideradas as disposições descritas nas Condições Particulares do Plano correspondente.

São funções do administrador, além de outras que lhe sejam atribuídas pela assembleia:
a) Convocar a assembleia dos condóminos. (art.1436C.C.)
b) Elaborar o orçamento das receitas e despesas relativas a cada ano. (art. 1436C.C.)
c) Verificar a existência do Seguro do Edifício Contra o Risco de Incêndio, propondo à assembleia o montante do capital seguro. (dec.Lei268/94;art.1429c.C.;Art.1436C.C.)
d) Cobrar as receitas e efetuar as despesas comuns. (art.1436C.C.)
e) Verificar a existência de fundo comum de reserva. (art.1436C.C./ art.268/94)
f) Exigir dos condóminos a sua quota-parte nas despesas aprovadas, incluindo os juros legais devidos e as sanções pecuniárias fixadas pelo regulamento do condomínio ou por deliberação da assembleia. (aviso de cobrança-dec. Lei 268/94; dec.Lei269/94; art.1436C.C.)
g) Realizar os actos conservatórios dos direitos relativos aos bens comuns. (art.1436C.C.)
h) Regular o uso das coisas comuns e a prestação dos serviços de interesse comum. (art.1436C.C.)
i) Executar as deliberações da assembleia que não tenham sido objeto de impugnação, no prazo máximo de 15 dias úteis, ou no prazo que por aquela for fixado, salvo nos casos de impossibilidade devidamente fundamentadas. (art.1436C.C.)
j) Representar o conjunto dos condóminos perante as autoridades administrativas. (art.1436C.C.)
l) Prestar Contas à Assembleia Anual de Condóminos. (art.1436C.C.)
m) Assegurar a execução do Regulamento e das Disposições Legais e Administrativas ao Condomínio. (art.1436C.C.)
n) Guardar e manter todos os documentos que digam respeito ao Condomínio. (art.1436C.C.)
o) Informar, por escrito ou por correio eletrónico, os condóminos sempre que o condomínio for citado ou notificado no âmbito de um processo judicial , processo arbitral, procedimento de injunção, procedimento contraordenacional ou procedimento administrativo. (art.1436C.C.)
p) Informar, pelo menos semestralmente e por escrito ou por correio eletrónico, os condóminos acerca dos desenvolvimentos de qualquer processo judicial, processo arbitral, procedimento de injunção, procedimento contraordenacional ou processo administrativo, salvo no que toca aos processos sujeitos a segredo de justiça ou a processos cuja informação deva, por outro motivo, ser mantida sob reserva. (art.1436c.C.)
q) emitir, no prazo máximo de 10 dias, declaração de dívida do condomínio, sempre que tal seja solicitado pelo mesmo, nomeadamente para efeitos de alienação da fração. (art.1436C.C.)
r) Intervir em todas as situações de urgência que o exijam, convocando de imediato assembleia extraordinária de condóminos para ratificação da sua situação. (art.1436C.C.)
Outras Disposições Legais:
Para feitos do cumprimento do Regulamento Geral Das Edificações Urbanas (RGEU) que determina que sejam feitas obras de conservação e beneficiação nos prédios, pelo menos de oito em oito anos, a Sogeu Condomínios®, promoverá um Relatório Técnico Geral ou Parcial, caso seja necessário, para propor respetivas medidas preventivas.
Verificar a validade das Inspecções Obrigatórias do gás, electricidade e elevadores (Vistoria à Instalação do Gás: para o cumprimento legal, presente no dec-lei nº 59/2018 de 21 agosto – inspecções de 5 / 5 anos em edifícios com mais de 10 anos).
Para efeitos do cumprimento do RTSCIE, portaria nº 1532/2008 de 29 Dezembro, nos artigos 193º a 2017º (Condições Gerais de Autoprotecção), em conformidade com Regime Jurídico de SCIE do Dec-lei nº 220/2008 de 12 Novembro e dec-lei nº 224/2015 de 9 Outubro, a Sogeu Condomínios®, promoverá um Relatório de Segurança Contra Incêndios.
Gestão do arquivo e base de dados de acordo com o RGPD.
RGPD - consentimento escrito por condómino, a ceder pelo condomínio, Sogeu Condomínios®, para efeitos da prestação de serviços de administração, em questão.

  • Envio e recebimento dos documentos, preferencialmente para a morada de correio electrónico dos condóminos, excepto convocatórias por carta registada.
  • Dossier de Abertura.
  • Serviço de Gestão de Expediente.
  • Elaboração de uma Ficha de Caracterização do Condomínio.
  • Visitas periódicas ao Condomínio, para efeitos de Manutenção Corrente.
    • Substituição de lâmpadas.
    • Vistoria dos equipamentos, reportar validades e anomalias.
  • Disponibilidade da parte de um Gestor de Cliente, para atender a qualquer questão ou dúvida do delegado nomeado.
  • Uma deslocação de acompanhamento para a abertura de uma conta em nome do Condomínio.
  • Movimentação da conta do condomínio através de Homebanking, aprovado pelo condomínio.
  • Autonomia para a Administração poder liquidar as despesas mensais, mediante a movimentação de uma verba, aprovada pelo condomínio.
  • Recebimento da quota trimestral, identificada e a ser creditada pelo condómino, na conta em nome do condomínio.
  • Elaboração de um Relatório Técnico Geral e/ou Parcial, com a identificação das patologias, para efeitos de Manutenção Preventiva.
  • Acompanhamento personalizado do Departamento de Supervisão.
  • Disponibilidade para a justificação das contas do condomínio, mediante marcação prévia, numa das lojas afectas ao condomínio.
  • Serviço de Assistência e Apoio Permanente 24H, para ocorrências urgentes.
  • As ocorrências diárias são apoiadas por uma APP – Gecond O Meu Condomínio, disponível, para o registo automático das ocorrências, acesso ao histórico das ocorrências, aos recibos e a documentos essenciais, compatível com o sistema operativo Apple e Android.

*Incluídas no valor da Avença. Excepto os custos de selo e os custos de Deslocação, quer ao condomínio, quer às várias entidades, que não se encontrem em cima mencionadas.

PEÇA JÁ A SUA PROPOSTA!